Desafios e práticas para implementar e aprimorar grupos de discussão para inclusão e lideranças femininas



Contato:

Celia Queiroz, Diretora de Conteúdo
: +55 11 99170-9895
celia.queiroz@dialogia.com.br


INFORMAÇÕES GERAIS
Data: 02 de dezembro de 2019
Local: Hotel Transamerica Executive Jardins
Alameda Lorena, 473 – Jardim Paulista – São Paulo – SP

Desconto para inscrições atecipadas até 22/11: R$ 2390,00

Valor inscrição: R$ 2660,00

INCLUI: Além das palestras, material didático, certificado, coffees e almoço.
Descontos para grupos consulte-nos. OS DESCONTOS NÃO SÃO CUMULATIVOS


A Agenda da ONU propõe um passo decisivo pela igualdade de gênero até 2030. Alcançar esta meta depende, especialmente, de mudanças no modo de pensar o problema das mulheres e da diversidade de gêneros nos espaços de trabalho. A implantação de políticas corporativas com ênfase na contratação de mulheres, na equidade de cargos e salários, e programas de incentivos e benefícios é um aspecto importante para observar a presença de mulheres na organização, mas a eficiência e a garantia da inclusão e do respeito às lideranças femininas envolve estratégias de sensibilização e transformação dos desafios em ações comprometidas com a nova cultura interna.

O grupo de discussão de protagonismo de mulheres sobre as questões de inclusão e lideranças femininas é uma ferramenta eficaz, pois permite que a empresa faça um diagnóstico qualitativo da presença das mulheres, identificando os obstáculos na cultura interna e estabelecendo metas para superar os discursos que limitam a atuação e motivação das colaboradoras da empresa.

Este curso se propõe a apresentar as bases conceituais e atividades práticas para implementação e aprimoramento de grupos de discussão com foco no diagnóstico produtivo, isto é, de tal modo que o grupo de discussão seja sensibilizado e pró-ativo diante dos problemas identificados. Por isso, a Dialogia convida profissionais que atuam com desenvolvimento humano nos mais diversos segmentos de mercado a se inscreverem neste grupo para trocarem e experiências e saírem do curso com uma metodologia aperfeiçoada de aprimoramento dos grupos de discussão do protagonismo de mulheres nas empresas.

Por que participar do curso?

A inclusão de um programa de protagonismo de mulheres nas empresas vai além das estratégias de seleção e retenção de talentos femininos, é preciso criar uma cultura interna mais aberta à inclusão. Esse curso tem os seguintes objetivos:

  • Melhorar a visão e percepção sobre as transformações que estão em curso diante do protagonismo feminino na sociedade e seus impactos nas empresas;
  • Conhecer um conceito de protagonismo aplicado ao trabalho e ao cotidiano das organizações, observando como este interage com o debate feminista contemporâneo;
  • Descobrir como funciona um Grupo de Discussão de Protagonismo de Mulheres elaborado para o contexto das empresas e como implementá-lo visando a eficácia da inclusão de colaboradoras;
  • Aprimorar a capacidade de fazer diagnósticos de contexto cultural da empresa e utilizá-lo de modo produtivo sensibilizando colaboradores e colaboradoras para lideranças femininas;
  • Experimentar um grupo de discussão praticando alguns exercícios com os participantes do curso e trocando ideias com colegas de outras empresas;
  • Preparar-se para 2020, atualizando seus conhecimentos e levando novos conceitos e estratégias para sua empresa.

Público Alvo

Profissionais engajados na gestão de pessoas e desenvolvimento humano nas empresas, buscando melhores resultados para a organização.

  • Diretores
  • Gerentes
  • Supervisores
  • Coordenadores
  • Líderes
  • Assistentes
  • Empresários em Geral

Metodologia

O curso é formatado misturando teoria e prática. Na parte teórica serão abordados os fundamentos conceituais de protagonismo feminino e de diversidade de gênero que estão transformando o mundo, impactando as novas gerações que adentram o mercado de trabalho e redirecionando a dinâmica de lideranças e inclusão nas empresas. A parte prática utiliza a metodologia ativa partindo de casos hipotéticos, reais ou sugeridos pelos participantes, simulando a vivência em um grupo de discussão, moderado pelas facilitadoras.

Conteúdo programático:

08h00 – Recepção/ Credenciamento

08h30 – Modulo I – Fundamentos sobre protagonismo da mulher no mercado de trabalho

  • Abordagem histórica: aprendendo com o passado;
  • O que é protagonismo?
  • Qual a força deste conceito na perspectiva individual, coletiva e organizacional?
  • Como protagonismo de mulheres e sustentabilidade se conectam de modo produtivo;
  • Tendências para 2020: retrocessos ou avanços?

10h00 – Coffee break

10h30 – Modulo IIQuestões para implementação de grupos de discussão de protagonismo de mulheres nas empresas

  • Das rodas de conversa na sociedade aos grupos de discussão nas empresas
  • Modelo hierarquizado, modelo horizontal ou misto;
  • Consultoria externa ou interna?
  • Participação masculina nos grupos de discussão: sim ou não?
  • Como delinear o melhor modelo para sua empresa?
  • Há um tipo específico de liderança feminina?
  • Considerações sobre inclusão e diversidade de gêneros.

12h30 às 14h00 – Almoço

14h00 – Modulo III Diagnóstico interno sobre lideranças de mulheres e inclusão na empresa

  • Qual o impacto que a missão, visão e valores da empresa tem sobre a cultura de liderança de mulheres e inclusão?
  • Organogramas e layouts da empresa: sutilidades que fazem a diferença;
  • Seleção de frases, palavras e expressões que mais se destacam na percepção dos colaboradores e colaboradoras;
  • Análise e interpretação do diagnóstico final visando o alinhando projetos e resultados do grupo de discussão de protagonismo feminino à missão, visão e valores visando a sensibilização de diretores e acionista para o fortalecimento da cultura de liderança e inclusão.

15h30 – Coffee break

16h00 – Módulo IV – Experimentando um Grupo de Discussão de Protagonismo de Mulheres a partir de casos hipotéticos, reais e sugeridos pelos participantes com foco nas tendências de 2020

  • Apresentação de casos;
  • Discussão em grupo;
  • Avaliação de resultados.

17h30 – Encerramento

Facilitadoras:

Clêmie Blaud,

Graduada em Comunicação Social com habilitação em Cinema pela ECA-USP e em Filosofia pela FFLCH-USP com licenciatura pela Faculdade de Educação da USP. Mestre em Filosofia pela FFLCH-USP com período de aperfeiçoamento na Université Sorbonne Paris-IV e no Institute National d’Histoire de l’Art de Paris, doutoranda da área de Ética onde desenvolve pesquisa sobre o protagonismo de mulheres filósofas nas questões de educação, cidadania e trabalho. Facilitadora em cursos de graduação de Pedagogia e Licenciaturas da UNIVESP e de pós-graduação lato sensu em Filosofia da UNIFESP, ministrante de cursos de extensão para formação continuada de professores na USP. Sócia da Agenda Polis, empresa de treinamento corporativo e desenvolvimento humano.

Danielle Bezerra de Morais,

Graduada em Direito pela Universidade Estadual da Paraíba, especializada em Direito público aprofundado pela Université Pierre Mendès France. Mestre em História, Teoria e Prática dos Direitos Humanos pela mesma universidade, com diploma de Master 2 francês reconhecido pela Universidade Federal de Minas Gerais. Doutoranda em História do Direito pela Université Grenoble Alpes (CERDAP2), em regime de dupla titulação internacional com o programa de Pós-Graduação em Humanidades, direitos e outras legitimidades da Universidade de São Paulo (Diversitas), onde desenvolve pesquisas de cunho interdisciplinar (história, direito e filosofia) sobre os desafios da emancipação feminina no contexto de construção de uma cultura republicana no Brasil, analisando o legado da modernidade ocidental. Lecionou na graduação de direito da Université Grenoble Alpes (2015) e no mestrado de Direitos Humanos da Université Catholique de Lyon (2016). Atualmente, é facilitadora dos cursos da graduação de Engenharia de Produção e de Computação da UNIVESP.