Register Form

Please fill up the form below:

Participar

Porque se inscrever nos eventos da Dialogia:Seminários, Conferências e Congressos corporativos

Os eventos da Dialogia são desenvolvidos com base em uma pesquisa de mercado. O princípio de um projeto de um Seminário, Congresso e Conferências da Dialogia, é uma conversa com executivos que atuam na área para avaliar a pertinência do tema, selecionar dentro do tema geral os assuntos mais importantes e obter informações sobre quais são as empresas e os executivos de destaque dentro deste tema.

Dessa forma, cada evento é um evento único e exclusivo, cada agenda jamais se repetirá e trará informações e conteúdos referentes àquele momento, assim como cada evento é composto de um grupo de pessoas diferentes, embora de uma mesma profissão e área de atuação.

Comparecer a um de nossos Seminários, Congressos ou Conferências é uma oportunidade que vai além da busca por informação. Conhecer e fortalecer contatos com seus pares, se atualizar a respeito de melhores práticas, e conhecer modelos para benchmark são ações estratégicas que podem revolucionar seu dia a dia de trabalho.

Dicas para um melhor aproveitamento do investimento em inscrição:

Apresentamos aqui algumas dicas e demais pontos a serem considerados ao fazer a inscrição, para um melhor aproveitamento das empresas e seus executivos, em Seminários e Conferências e demais cursos e treinamentos de capacitação e/ou informação.

1º Objetivo do encontro:
É importante discriminar o objetivo para o qual estamos inscrevendo num Seminário. Existem dois tipos básicos de eventos, um mais voltado à capacitação e outro cujo objetivo prioritário é o encontro de negócios. No primeiro caso deve-se observar a relação entre o conteúdo disponibilizado e o objetivo, no segundo caso, a prioridade são as empresas, as pessoas e a informação que o encontro enfoca.

2º O aproveitamento do conhecimento gerado para a empresa
Formalizar um padrão de “relatório de aproveitamento” não garante o comprometimento das pessoas, mas ajuda na fixação de alguns aprendizados.  Em Seminários com foco em capacitação, procure incentivar as pessoas a refletirem sobre os conteúdos apresentados, melhorias de processos e alternativas para o modelo de gestão. Em eventos de negócios, além de contatos prospectados e da conquista de cliente e questione sobre alternativas de curto prazo, novos contatos e novos modelos para a Organização.

3º Como mensurar resultados em conhecimento e informação
O valor do conhecimento é em princípio, subjetivo. Mas podemos estabelecer critérios e indicadores para medi-lo. Ao criar os indicadores, o ideal é utilizá-los como apoio aos processos de treinamento. Deve-se ter o cuidado de não serem uma usados como uma forma exclusiva de mensuração, pois há uma riqueza muito grande na diversidade manifestada e na forma como cada indivíduo se relaciona com a informação produzindo conhecimento. Essa diversidade deve ser considerada e transformada em valor para a empresa.

4º Encontrar pessoas que tem desafios diários similares ao seu

Em todo e qualquer tipo de evento deve-se aproveitar o contato com os outros profissionais e os palestrantes. É um privilégio estar com pessoas que fazem exatamente o que você faz e o estabelecimento de uma relação de troca é extremamente positiva, um privilégio para todos.

5º Origem da verba para a inscrição
Eventos voltados a capacitação em geral usam verba de sua própria área ou de treinamento. Se os eventos têm um alto potencial de negócios para a empresa, recomendamos que esta use sua verba de negócios.  O ideal é que a empresa tenha claramente discriminado o que é exclusivamente negócio e o que é capacitação profissional.

6º Tipo de evento: Seminário, Congresso e Conferências ou Treinamento
Chamamos de Seminários Congressos e Conferências, eventos que tem um tema central, mas com diversas abordagens, várias palestras, dentre elas alguns casos práticos. Os treinamentos são focados em temas mais específicos e com maior aprofundamento e liderados por um especialista.
Os Seminários, Congressos e Conferências funcionam bem para se situar diante do mercado. Descobrir as soluções que as outras empresas adotam para problemas comuns, melhores práticas, benchmarking. É como se fossem várias vitrines (as várias palestras e casos práticos) que ajudarão a situar seu trabalho e sua empresa e mostrar caminhos que vocês poderão adotar.

O treinamento deve ser mais detalhado, ter um aprofundamento maior em um tema específico e você deve sair de lá com ferramentas que o habilitem a gerenciar aquele ponto abordado.